top of page
  • engajesite

Como as práticas ESG impactam na comunicação interna, entenda!



As práticas ESG vêm se tornando uma tendência no meio empresarial, tanto pelos seus benefícios ao meio ambiente quanto por auxiliar no ganho de reputação das empresas em relação ao seu público interno e externo.


Nesse post, você entenderá o que é o ESG, quais os seus objetivos e como as suas práticas podem impactar na comunicação interna nas empresas. Além disso, explicaremos como aplicá-la em seu próprio negócio.


O que você verá neste post:


Boa leitura!

O que é ESG?

ESG (governança ambiental, social e corporativa) é um conjunto de boas práticas e padrões adotados pela empresa que indicam o nível de consciência social e sustentável em relação às suas práticas e processos.


Na prática, a ESG pode auxiliar consumidores que querem comprar apenas de empresas que sejam social e ambientalmente conscientes, bem como investidores que querem fazer negócios somente com organizações que tenham esses mesmos princípios.


Como a ESG surgiu?

A primeira aparição da sigla ESG surgiu em 2004, em um relatório da Organização das Nações Unidas (ONU), chamado “Who Cares Wins”. Ele foi um documento criado para definir quais seriam as diretrizes relacionadas a questões sociais, ambientais e de governança que deveriam ser seguidas pelo mercado financeiro. Inclusive, neste relatório, foi apontado que as empresas compromissadas com esses valores conseguem agregar valor aos seus próprios negócios, isso sem falar nos benefícios trazidos para toda a sociedade.


Quais os objetivos das práticas ESG na empresa?

Bom, mas quais são os objetivos da ESG? A sua principal missão é fazer com que os gestores cada vez mais se preocupem em incorporar valores ambientais, sociais e de governança em suas empresas.


Dessa forma, as organizações começam a ter também um papel mais social e de prestação de serviços à sociedade, indo além da oferta de produtos e serviços que elas comumente oferecem para os seus públicos.


As empresas se utilizam da natureza para fazer seus produtos e serviços, porém, pouquíssimas se preocupam em devolver de alguma forma ou compensar o que foi tirado. Infelizmente, isso acaba resultando em problemas ambientais que afetam toda a sociedade.


A ESG aparece como uma maneira de evidenciar benefícios que as empresas podem alcançar por se preocuparem mais com esses fatores, por meio da evidenciação dos ganhos relacionados aos seus stakeholders.


Os seus benefícios das práticas ESG na empresa

Como falamos no tópico anterior, empresas que pensam em fatores sociais, ambientais e de governança podem obter alguns benefícios. Veja, a seguir, alguns deles e entenda o que a sua empresa pode ganhar ao adotar essa postura.


  • Melhora o desempenho financeiro da empresa;

  • Oferece maior acesso a investimentos e crédito;

  • Garante a fidelidade dos consumidores.

Melhora o desempenho financeiro da empresa

Um dos principais benefícios de investir na ESG é que ela pode aumentar o desempenho financeiro da sua empresa, já que muitas pessoas ficarão mais inclinadas a se tornarem seus clientes por conta das suas iniciativas sociais e ambientais.

Oferece maior acesso a investimentos e crédito

Muitas organizações estão colocando os princípios de ESG também na avaliação de crédito. Dessa maneira, as instituições que já estão investindo nessas práticas contam com uma chance maior de conseguir empréstimos mais volumosos.

Garante a fidelidade dos consumidores

Atualmente, os consumidores consideram o alinhamento de valores como uma característica importante para ter relações com uma marca. Os seus clientes que são engajados ou apreciam causas sociais e ambientais, provavelmente adquirem seus produtos ou serviços com maior frequência, além de divulgá-los para outras pessoas.


Como as práticas de ESG impactam na comunicação interna?

Além de influenciar a visão da sua marca diante do público externo, as práticas ESG também podem impactar na comunicação interna do seu negócio. Isso porque, as medidas em prol do meio ambiente e causas sociais promovidas por essa estratégia também são bem vistas pelos seus colaboradores.


Sua equipe se sentirá mais motivada em trabalhar numa empresa que se preocupa com o meio ambiente, além dela própria poder ajudar nessas causas por meio do seu trabalho e engajamento.


Inclusive, os colaboradores podem ter um papel importante nesse processo, como serem ouvidos para dar sugestões e feedbacks sobre as práticas que estão sendo adotadas pela organização visando o cumprimento da ESG.


Como resultado, se o funcionário se sentir mais pertencente à frente da empresa, provavelmente, participará de algum projeto maior e que o motivará a se tornar um profissional melhor dentro da sua empresa.


Como aplicar boas práticas de ESG?

Até aqui, você aprendeu muita coisa sobre a ESG, não é mesmo? Mas como começar a aplicar essas práticas em sua organização? Veja, a seguir, duas dicas importantes e que podem te ajudar a dar o start na mudança que a sua empresa precisa para melhorar a sua reputação.

  • Erradique o uso de carbono;

  • Economize energia e água.

Erradique o uso de carbono

A erradicação de carbono é uma técnica utilizada para diminuir ou acabar com a emissão de carbono por parte da empresa. Para começar, a organização precisa identificar quais são as suas fontes de emissão de carbono e buscar maneiras de reduzir esse problema.

Economize energia e água

Outra atitude das práticas ESG é diminuir o consumo de energia e água na empresa. Oriente os seus funcionários a desligarem todos os equipamentos antes de fecharem a empresa, além de se certificar de que as pias não estejam vazando.


Resumindo: investir em se tornar uma empresa ESG fará com que a organização se aproxime dos valores da sua equipe, além de permitir com que eles possam auxiliar com ideias para deixar a empresa mais sustentável.


Assim, entendendo como as práticas ESG impactam na comunicação interna, você poderá começar a investir nessas estratégias para conseguir melhorar a sua reputação não apenas com os seus clientes, mas também com os seus colaboradores.





1 visualização0 comentário
bottom of page