• engajesite

Comunicação estratégica: como concorrer no mercado competitivo?



A comunicação estratégica deve ser um dos pilares da sua empresa, pois é ela quem fará a ponte entre sua organização, seus colaboradores, seus parceiros e seu público-alvo, auxiliando no ganho de reputação e clientes.


Por isso, preparamos este guia sobre comunicação empresarial estratégica para você poder entender o que ela é, quais são os seus principais tipos, a sua importância para as organizações e como aplicá-la corretamente.


O que é comunicação estratégica?


A comunicação estratégica é um conjunto de processos criados e executados para se ter tanto uma comunicação interna como externa mais eficientes e direcionadas para o objetivo e imagem que a sua marca quer passar.


Ter uma comunicação inteligente, estratégica e forte pode melhorar muitos aspectos da organização e, inclusive, construir uma cultura organizacional forte. Isso acontece porque é por meio dela que os vínculos entre a equipe são criados.


Qual a relação entre comunicação estratégica e cultura organizacional?


Um exemplo de ligação entre comunicação e cultura organizacional se dá na agregação de metas para si, ou seja: um negócio que adota o crescimento profissional da equipe como valor e cultura da empresa. Além de comunicar corretamente informações sobre metas e objetivos, faz com que a equipe os tome para si e tenha mais empenho em alcançá-los.


Além disso, uma gestão com os valores da empresa definidos e que consegue expô-los para seus colaboradores incentiva que eles realmente os coloquem em prática no dia a dia organizacional.


Quais são os tipos de estratégias de comunicação?


Você sabia que existe mais de um tipo de estratégia de comunicação? É importante entender sobre cada um deles para moldar o plano de comunicação geral e entender as reais necessidades da sua organização nesse campo.


Expansão de mercado

A expansão de mercado é um tipo de comunicação com o objetivo de fazer com que a empresa alcance um público de novas regiões. Um exemplo seria uma companhia que começou a vender doces apenas em sua rua e, agora, abrirá franquias em outros locais da cidade.


Crescimento no nicho

Outro objetivo que uma organização pode alcançar por meio da sua comunicação é o crescimento dentro de um nicho específico. A estratégia é criada para fazer com que ele se torne uma autoridade na área.


Associação de marca

A associação de marca se refere a como os consumidores armazenam na memória e percebem uma determinada marca. Isso pode ser efetuado tanto por elementos visuais quanto pelo modo como essa empresa se comunica com seu público.


Reposicionamento de marca

Também chamado de rebranding, o reposicionamento de marca resulta em uma mudança no posicionamento atual da marca como uma maneira de se adaptar às necessidades do seu público ou eliminar uma ideia previamente negativa sobre ela.


Análise de mercado

A comunicação da sua organização pode ser estruturada para fazer um trabalho inicial de análise, buscando entender os direcionamentos e gostos que o seu público tem naquele momento, bem como outras informações que poderão nortear a atuação da marca.


Qual a importância da comunicação estratégica?


A verdade é que a comunicação estratégica é uma poderosa ferramenta interpessoal, pois, como vimos, ela pode ter inúmeras funcionalidades e atribuições dentro e fora de uma organização.


A comunicação está presente dentro e fora da sua empresa, além de ser uma parte do que ela é. Dito isso, é possível perceber que esse é um fator importante demais para não ser bem aproveitado.


Como é possível ver a importância da comunicação na prática?

Um exemplo de estratégia de comunicação que deu certo é a da Skol. Antigamente, a comunicação da marca era muito mais voltada para o público masculino, em que se tinha a figura da mulher objetificada.


Atualmente, a organização trabalha para evitar essa limitação de gênero ao seu produto, deixando-o mais inclusivo. Em uma das suas campanhas, a Skol “reformulou” propagandas antigas para fazerem sentido na sociedade atual.


Quais as vantagens da comunicação estratégica?


Adotar uma comunicação mais estratégica pode resultar no ganho de alguns benefícios para a sua empresa. É interessante conhecê-los para ver, de maneira prática, como esse cuidado pode fazer a diferença para o ganho de reputação da sua marca.


Permite a análise de concorrentes

Empresas precisam e querem crescer em seu determinado nicho e, para isso, devem saber o que seus concorrentes andam fazendo, principalmente por ser uma maneira de entender quais são as suas “falhas” e como corrigi-las em seu produto, serviço ou comunicação.


Realiza o posicionamento de marca

Investir em uma comunicação estratégica faz com que seu público olhe a sua organização como uma referência na área, oferecendo mais segurança e alcance em suas publicações, anúncios e declarações.

Valoriza a equipe

Ter uma comunicação estratégica e uma boa comunicação interna faz com que a sua equipe se sinta valorizada e ouvida, além do negócio entender quais mudanças devem ser feitas para se garantir um ambiente mais acolhedor e que instigue o crescimento da empresa e dos colaboradores.

Oferece informações corretas

A comunicação estratégica faz com que o compartilhamento de informações seja mais eficaz, sem perdas ou alterações, permitindo que as pessoas interessadas consigam recebê-la por meio de um planejamento estratégico realizado pela organização.

Como a comunicação estratégica pode impulsionar a minha marca?

Um dos principais objetivos da comunicação estratégica é impulsionar a marca de maneira certa. Para isso ocorrer, é necessário atuar em algumas frentes de maneira efetiva e objetiva. Veja, a seguir, algumas delas.

Posiciona a empresa em temas estratégicos

Atualmente, vemos diversos assuntos se tornando pauta na sociedade e, consequentemente, muitas organizações também estão se posicionando sobre eles. Porém, é importante que esses posicionamentos sejam feitos de maneira bem pensada e seguindo a linha de direcionamento do seu público.

Melhora a presença nas mídias digitais

A busca por uma melhora da presença da marca nas mídias digitais pode ocorrer após um período de crise ou caso a marca esteja em um processo de expansão do seu alcance, utilizando-se do poder que as redes sociais têm como uma ferramenta para esse fim.

Analisa a presença da organização das mídias de maneira qualitativa

O usuário pode fornecer às redes sociais informações de como utilizam essas mídias e, principalmente, como interagem com os perfis de pessoas e empresas. É crucial saber interpretar esses dados, bem como se um crescimento é realmente benéfico para a empresa.


Demonstra engajamento e propósito aos colaboradores

De acordo com uma pesquisa feita pela Universidade da Califórnia, funcionários felizes ficam 31% mais produtivos. E qual a melhor maneira de deixar os seus colaboradores bem? Entendendo as suas necessidades e se comunicando com eles.


Qual o papel da comunicação integrada?

Você já deve ter percebido, ao longo do texto, diversas atribuições e benefícios da comunicação integrada para as organizações. Porém, o seu principal papel é justamente integrar a comunicação do negócio.


Parece algo simples, mas existem muitas instituições que tratam as comunicações interna e externa da organização de maneiras separadas, em que não se tem uma troca de informações ou um plano geral de comunicação.


Como a falta de comunicação integrada pode afetar uma empresa

A falta de comunicação empresarial é algo que pode estragar a sua estratégia de comunicação. Exemplo: a falta de conhecimento do público interno[1] [2] sobre como funciona a própria organização pode causar gargalos em seus processos.


Como aplicar a comunicação estratégica na empresa?

Você já entendeu o que é a comunicação estratégica, qual a sua importância e as vantagens que ela pode oferecer dentro das empresas. Agora, está na hora de entender como aplicá-la de maneira prática.


Crie a sua persona

O primeiro e mais importante passo é definir com quem a sua marca falará, que pode ser feito por meio da persona, uma representação semifictícia do seu público. Recomendamos criar uma para a comunicação externa e outra para a comunicação interna.


Defina os objetivos

Outro ponto interessante é a definição dos seus objetivos: o que você quer alcançar com a sua estratégia de comunicação. É possível começar definindo se ela seria utilizada para o lançamento de um produto ou serviço ou reforçar uma mensagem institucional.


Elenque os canais de comunicação que serão utilizados

Depois, é hora de elencar quais serão os canais de comunicação que serão utilizados (internamente e externamente), além de como se dará a atuação da organização em cada um deles.


Quais dicas posso utilizar para ter uma boa comunicação estratégica?

Além de seguir os passos acima, existem algumas dicas que, quando seguidas, podem dar um “up” na sua estratégia de comunicação organizacional integrada e acelerar os seus resultados. Veja a seguir:


Não esqueça do contexto

Sua empresa precisa estar atualizada com o que está na acontecendo no mundo, no seu mercado de atuação e também no que acontece internamente para adaptar a sua comunicação.


Verifique quais são os períodos de maior afluência

Toda marca tem seus períodos no dia ou mês em que ela recebe um número maior de engajamento e alcance. Utilize esses momentos com sabedoria, para postar os conteúdos e mensagens mais importantes.


Explore outros canais

O uso das redes sociais está mudando constantemente, com novas plataformas e meios de se comunicar surgindo e ganhando o coração dos usuários. Por isso, vale a pena testar novos canais de comunicação que o seu público esteja se inclinando a utilizar.


Assim, entendendo como concorrer de maneira inteligente no mercado competitivo por meio da comunicação estratégica, você saberá como utilizar essa ferramenta para melhorar o seu regimento interno quanto para fortificar a sua marca para com o seu público.


Mas e quando acontece um período de instabilidade, qual deve ser a postura da marca? Confira este outro post em nosso blog em que explicamos como a comunicação pode ser a chave para o crescimento da sua marca em períodos de crise.

1 visualização0 comentário