• felipe3259

As 5 dicas de comunicação empresarial para lidar na crise



Uma crise pode trazer muitos prejuízos para a sua empresa, sejam perdas financeiras, sejam de imagem ou de funcionários. É preciso agir rápido, mas com inteligência, para conseguir minimizar esses danos.


Neste post, explicaremos quais são as principais dicas de comunicação empresarial para que você consiga lidar com as crises e minimizar ao máximo os danos e prejuízos causados por ela.


1. Monitore as notícias

Um dos primeiros passos para conseguir superar uma crise na empresa por meio da comunicação empresarial é saber o que a mídia está falando sobre ela. Dessa maneira, é possível entender o que o público e a imprensa sabem sobre a situação e qual a opinião de ambos.


O clipping é uma expressão utilizada para designar o processo de selecionar certas notícias, seja em jornais, seja em revistas, seja em sites, para entender como é a visão do público e da mídia social sobre determinado assunto ou situação. Assim como o clipping também é responsável pela busca de reportagens que são publicadas envolvendo uma marca ou empresa específica, que o contrata para tal e acompanhamento dessa visibilidade espontânea da mesma na imprensa.


Ao fazer isso, é possível elaborar melhor a sua resposta para o público e como o seu porta-voz responderá às entrevistas de maneira efetiva, principalmente ao saber quais temas dentro da crise poderão ser abordados pelos entrevistadores.


Muitos jornais on-line permitem que os usuários teçam comentários sobre o assunto. Ao acompanhá-los, é possível entender o que os seus clientes e as demais pessoas estão opinando.


3. Reforce a sua comunicação interna

Não é apenas o lado de fora que deve merecer a sua intenção: a sua comunicação interna também precisa estar muito bem alinhada. Dessa maneira, é possível fazer com que toda a equipe esteja alinhada com a estratégia da empresa para resolver esse problema.


É comum que jornalistas conversem com diferentes funcionários de uma organização para buscar incongruências no seu depoimento oficial ou outras informações relevantes sobre a situação de crise, por isso, todos precisam entender muito bem o que está acontecendo e quais decisões a empresa está tomando.


Além disso, lidar com uma crise é algo que afeta todos os setores, e todos precisam trabalhar juntos para que os seus danos sejam diminuídos e a empresa consiga se restabelecer novamente.


Assim, as estratégias definidas pelos superiores ou comitê de crise conseguirão ser repassadas por toda a equipe rapidamente. Além disso, também é possível que outros funcionários que não estejam nesse grupo apresentem suas ideias e opiniões.


Leia também:



3. Proteja-se de novas crises

Muitos gestores que acabaram de passar por uma crise não querem vivenciar a mesma situação novamente, e para que isso não se repita, é importante evitar novos escândalos e problemas.


Assim, é importante avaliar os fatores que levaram à crise anterior e o que pode ser feito para que ela não volte, indo além de, simplesmente, resolver a situação temporariamente e de maneira rápida.


Esse também é um momento oportuno para fazer uma análise na sua empresa e no meio externo para entender quais outros motivos podem levar a sua empresa a passar por uma nova crise.


Dessa maneira, a sua organização poderá pensar, com antecedência, em estratégias para evitar essas situações, de acordo com os perigos aos quais ela ainda está exposta, como problemas financeiros, feedbacks negativos de clientes, entre outras razões.


4. Sempre cheque as mídias sociais

Assim como as notícias, as mídias sociais também dizem muito sobre qual a percepção do público sobre uma crise vivida por uma empresa ou, até mesmo, de todo um país. É necessário entender como o seu público está com essa situação para nortear uma solução mais efetiva.


Caso a sua crise tenha sido causada por problemas externos, vale a pena usar as suas contas nas redes sociais para estreitar as relações com o seu público e entender como ela está afetando os seus consumidores.


Dessa maneira, é possível analisar como está o poder de compra, o que eles esperam dos seus produtos ou, até mesmo, conferir com ex-clientes quais foram os motivos que os levaram a não adquirir os seus produtos/serviços.


Já para as crises causadas por problemas na empresa e que estão afetando a sua imagem, as redes sociais podem ajudar a entender o que as pessoas estão falando sobre a marca, seja em seus próprios perfis, seja nos comentários e mensagens privadas da empresa.


5. Elenque um porta-voz

Agora que você já se muniu de muitas informações sobre a crise instaurada na sua organização e começou a elaborar um plano para contê-la, está na hora de elencar um porta-voz da empresa.


O porta-voz será aquele profissional que representará a empresa em entrevistas e anúncios públicos, uma vez que a organização precisará se posicionar e/ou anunciar quais serão as suas novas e importantes medidas.


O ideal é que essa função seja limitada a poucas pessoas ou, até mesmo, a um único indivíduo, justamente para que ruídos na comunicação não interfiram ainda mais na imagem da sua organização.


Também é possível investir em uma assessoria de imprensa para essa finalidade, que poderá ajudar a treinar o seu porta-voz ou mesmo representar a empresa nessas aparições e comunicados.


Assim, aplicando essas 5 dicas de comunicação empresarial para lidar com uma crise na empresa, sua organização conseguirá ter mais sucesso nessa situação e, até mesmo, evitar que ela se repita, tomando atitudes preventivas.


Quer saber como o planejamento de marketing digital e posicionamento de marca podem ajudar a recuperar e alavancar a imagem de uma marca? Então, baixe o nosso e-book e descubra! Aqui também estão indicando aquele único e-book q fizemos?








7 visualizações0 comentário